Planetóide X

GP2X Wiz - Portátil para Fãs de Emuladores e Jogos Antigos

sexta-feira, agosto 28, 2009 José Guilherme Wasner Machado 2 Comentários Categoria: , ,

[via Think Geek] Um must have para os fãs de emuladores. O GP2X Wiz foi desenhado especialmente como um sistema portátil de jogos, baseado em linux. O coração do aparelhinho é um processador ARM9 533MHz, "overclockado" para 800Mhz, o que deve dar a ele uma potência gráfica similar ao de um Zeebo. Não é grande coisa para um console, mas para um portátil como esse, é algo bem respeitável. O GP2X Wiz possui uma telinha OLED touchscreen de 2.8 polegadas com resolução QVGA (480 x 272 pixels) e oferece 1 Gb de espaço de armazenamento, que pode ser expandido através do uso de cartões de memória. O preço é bem interessante, apenas 179 dólares.

O ARM9 permite que GP2X Wiz possa rodar sem problemas o famoso MAME, um emulador de jogos antigos de arcade com alguns milhares (sim, milhares!) de títulos no catálogo. A lista inclui desde antigos favoritos meus, como Donkey Kong, Zaxxon, Galaga e Xevious, a jogos um pouco mais "recentes", como Metal Slug, King of Fighters e Street Fighter Alpha 3. Mas não ligue ainda, não é só isso! O aparelhinho também pode rodar emuladores de plataformas "pesadas" como o Amiga, o SNES, o Neo Geo e o Atari ST. Além dos tradicionais Commodore 64, NES, Gameboy, Gameboy Advance, e muito mais. Bem interessante! Ele reproduz ainda vídeos divx, mpeg4 e xvid e pode servir como leitor de e-books. Sendo uma plataforma linux, os formatos suportados só dependem dos programas instalados. Assim, nada impede que o GP2X Wiz dê suporte a outros tipos de vídeos ou mesmo a formatos mais específicos, como o .cbr, de quadrinhos. O problema será ler HQs numa tela tão pequena.


Abandonware?

Com relação aos emuladores, o GP2X Wiz vêm com suporte apenas para flash games. Ou seja, ele não possui nenhum emulador instalado. Você é quem tem que baixar
(não se preocupe, são gratuitos), instalar e configurar cada um deles. O que pode ser bem complicado para leigos, já que nem sempre as configurações são simples de executar, graças à falta de padronização entre os programas.

Evidentemente, o aparelho também não possui nenhuma ROM pré-instalada. ROMs são imagens de memória contendo os códigos compilados dos jogos. Um emulador é completamente inútil sem ROMs para executar, assim como um DVD player é inútil sem filmes para reproduzir. Isso não é um grande problema, já que coleções de ROMs podem ser facilmente encontradas em sites da Internet ou em torrents. Mas, via de regra, a posse e o uso de ROMs é ilegal. Caímos aí em uma nebulosa zona legal onde até mesmo eu, que sou contrário à pirataria, fico vacilante. Afinal, estamos falando de milhares de títulos bem antigos e quase esquecidos. Sendo que a grande maioria deles não está sendo comercializada e, provavelmente, jamais voltará a sê-lo.

Por outro lado, com a recente popularização das lojinhas virtuais dos atuais consoles, ressurgiu o interesse por esses jogos pré-históricos. Eles alcançaram um relativo sucesso entre gamers nostálgicos. Vários desses títulos, até então considerados mortos e enterrados, vem sendo portados para as novas plataformas e relançados para download por preços bem acessíveis. Muitas vezes com novos recursos ou adaptados para resoluções superiores. As plataformas portáteis também tem sido um mercado interessante para esse tipo de produto, e não é raro vermos novos ports de títulos clássicos para elas, embora apenas os jogos mais populares consigam essa sobrevida.

Fica então a cargo do critério e do bom senso de cada um decidir se vai ou não utilizar uma determinada ROM. Penso que se um título está sendo comercializado de alguma maneira, ele não poderia ser classificado (ainda que informalmente) como "abandonware". Consequentemente, deve ser adquirido pelos devidos meios legais.


Confira as demais características técnicas do GP2X Wiz no Think Geek.

OUTROS POSTS

2 comentários

  1. A venda de jogos antigos como no GoG pode ser um bom meio termo para o GPX, a preços módicos. O problema é que se comercializa só jogos de PC e não ROMs!!!

    ResponderExcluir
  2. O GOG é realmente sensacional! Jogos fantásticos do passado, devidamente adaptados para rodar em SOs modernos, sem DRM, e com preços ridículos! Não é raro ver best sellers clássicos sendo vendidos por 6 a 10 dólares. Realmente isso não se aplica a ROMs, mas tá aí uma boa idéia para muitas desenvolvedoras ganharam um dinheirinho com antigas propriedades intelectuais. Teriam um público potencial gigantesco... qualquer PCzinho meia-boca consegue rodar um emulador. Estamos falando de centenas de milhões de máquinas!

    ResponderExcluir

Por favor, fique à vontade para comentar, criticar ou sugerir. Mas não será permitido trolling, bullying, spam, preconceito e ataques meramente pessoais ou destrutivos.